Beleza natural!

As 7 gordinhas nuas! Na revista americana Glamour  edição de Novembro. sem título

Talvez aconteçam comentários que elas nem são tão gordinhas assim, mas eu consigo enxergar barriguinhas salientes e pneuzinhos rechonchudos; e acima de tudo, vejo mulheres orgulhosas de cada pedacinho deles.

sem título1

E não é para menos! Kate Dylon foi eleita uma das 50 pessoas mais bonitas, pela revista People. Crystal Renn, que trabalhava como modelo convencional e chegou a entrar em estado patológico de anorexia, hoje deu a volta por cima, é modelo plus size, se assume como é e diz: People said I’d never be successful, but I never doubted myself (As pessoas diziam nque eu nunca seria bem sucedida, mas nunca duvidei de mim mesma”). Lizzie Myller trabalha como modelo plus size desde os 13 anos e comenta My boyfriend looks at me and just says, ‘You’re beautiful,’. He doesn’t pick and choose favorite parts—he loves the whole me, so I’ve learned to do the same. (Meu namorado me olha e diz “Você é linda”. Ele não escolhe as partes favoritas – ele me ama por completo, então, aprendi a fazer o mesmo). Amy Lemons também trabalhava como modelo convencional e assume que vivia com dieta extrema e exercícios puxados. “But my body rebelled, and I was sick all the time,” she says. “I’ve since learned that every body has its own healthy weight—it’s the one you get to by eating and exercising right, not by pushing yourself to the brink.” (Mas meu corpo se revoltava e eu viva doente. Descobri que cada corpo tem seu peso saudável – e é aí que você começa a comer e se exercitar corretamente, e não indo além dos limites). Anansa Sims, que é filha de uma famosa ex-modelo convencional,  já chegou a perder 40 kg para poder modelar. Daí largou tudo, fez MBA e agora é modelo plus size; e comenta “I did a shoot in just a bra and panties. I didn’t think much of it until my mom saw the picture and said, ‘Anansa, this is history.’” (Fiz uma sessão de fotos de calcinha e sutiã. Não “me liguei” muito na foto, até que minha mãe disse: “Anansa, isso é histórico”). Jennie Runk e Ashley Graham também assumem seu corpo e Ashley comenta feliz: “I never assume people are looking at me because I’m a bigger girl. They’re looking because I’m confident and beautiful. Why think otherwise?” (Nunca assumi que as pessoas estavam me olhando porque eu sou gordinha. Eles me olham porque sou confiante e linda. Porque pensar o contrário?)

 

Fonte:http://mulherao.wordpress.com/2009/10/05/mulheroes-da-glamour/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: